21/08/2014

RESENHA #38: Legado de Sangue - Raquel Pagno.

Olá leitores,

Me desculpem pelo sumiço mais uma vez, mas o motivo foi que o computador da minha irmã não queria ligar de jeito nenhum... mas agora eu voltei, e com resenha nova pra vocês! Vamos lá?


Título: Legado de Sangue
Autora: Raquel Pagno
Número de Páginas: 435
Nota: 4/5

Sinopse: Carmem sempre ouvira as tristes histórias de Francesca. Adorava cada frase saída da boca enrugada da avó, mas sentia que a verdade estava escondida nas linhas de seu rosto, presa em um coração saturado de sofrimentos. Foi em uma noite de lua cheia que ela finalmente lhe contara a verdade: seu antepassado era um vampiro, Carmem era a herdeira do Rubi de Sangue e do poderoso sangue das bruxas, o único alimento capaz de saciá-lo completamente, e que ao mesmo tempo era para ele mais letal do que qualquer veneno; e era a única capaz de gerar um filho para salvá-lo da extinção. Apaixonada, Carmem segue o seu caminho rumo ao destino que a aguarda. Miguel deseja o seu sangue, e ela, a imortalidade dele.

Eu conheci este livro através de um Book Tour que eu participei, feito pela própria autora. Fui convidada para participar pela Laressa Rodrigues, do blog Levo Livros Para Onde Vou e fiquei bem empolgada quando ele chegou aqui em casa.

O livro conta a história de Miguel, um vampiro poderoso, porém, é o último de sua espécie que está vivo, e ele quer muito dar continuidade ao seu legado, mas para isso ele precisa encontrar também a última das bruxas, que poderá lhe dar o tão sonhado herdeiro.
Começamos a leitura conhecendo Francesca, que sempre conta a história dela para as netas, Carmem e Ana. Francesca presenciou a guerra de 1934 na Itália, e depois de perder seu marido, acabou sendo levada para o Brasil dentro de um navio com seu dois filhos, Tereza e Marco. Eles chegam aqui completamente famintos, assustados e Francesca acha que terá de trabalhar em fazendas para comer, mas quando ela se vê numa casa totalmente luxuosa, cheia de confortos, descobre um segredo o qual ela não tinha conhecimento até então. Segredo esse que desperta bastante interesse em um vampiro poderoso. Francesca carrega sangue de bruxa em suas veias, e para Miguel, ela é a última bruxa viva até então, e para que ele consiga dar continuidade à sua espécie, precisa que Francesca lhe dê um herdeiro. Em troca, tudo naquele lugar será dela e de seus filhos.
Até então, tudo são flores, mas Francesca acaba dando à luz a duas meninas: Ágata e Alice, uma sendo completamente o oposto da outra, e depois disso, tudo começa a mudar. Miguel começa a mostrar um temperamento totalmente diferente, e Francesca começa a viver um terror dentro daquela casa. Passam-se alguns anos, a casa está completamente em ruínas, mas ela sempre chama a atenção de Carmem, que passa em frente à ela todos os dias a caminho da escola.
Depois que Carmem descobre esse segredo de sua avó, e descobre que carrega o sangue das bruxas em suas veias, resolve entrar na casa e descobrir porque ela chama tanto a sua atenção, e eis que descobre que há alguém dentro dela. E a partir daí, tudo muda!

Eu gostei bastante da leitura, ela me prendeu em certos momentos mas, tinha algumas partes que me deixaram meio confusa, como a parte do repentino e súbito amor que Carmem começa a sentir por Miguel, achei que ficou um pouco superficial. E também, o surgimento de um personagem no final, que eu fiquei me perguntando: "Da onde ele veio? Por quê?", achei que a autora deveria ter contado mais sobre ele. Fora esses dois pontos negativos, a leitura foi prazerosa. Vale a pena dar uma conferida.


Bom, espero que vocês tenham gostado da resenha de hoje, prometo não sumir mais tanto assim, rs. Não deixem de comentar, e seguir o blog também, ok?

Beijão, e até a próxima.

Comente com o Facebook:

Um comentário:


Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©