24/10/2014

RESENHA #42: A Casa dos Budas Ditosos(Coleção Plenos Pecados: Luxúria), do João Ubaldo Ribeiro



Olá leitores,

Vocês me perdoem mas, hoje eu resolvi trazer mais uma resenha pra vocês, porque não quero acumular tantas e depois ficar maluca pra postar todas depois(que nem eu estou agora, hahaha). Vamos ao que interessa?


Título: A Casa dos Budas Ditosos (Coleção Plenos Pecados: Luxúria)
Autor: João Ubaldo Ribeiro
Editora: Objetiva
Número de Páginas: 164
Nota: 4,5/5

Sinopse: Ao receber, segundo afirma, um pacote com a transcrição datilografada de várias fitas, gravadas por uma misteriosa mulher, o escritor João Ubaldo Ribeiro não podia imaginar o que o esperava.
E o inocente leitor, que sequer pode suspeitar o que o aguarda em cada uma das páginas deste livro. Nelas se conta uma vida. E a suposta autora teria enviado seu testemunho para que fosse utilizado para o volume sobre a luxúria da Coleção Plenos Pecados.
O escritor aceitou o oferecimento e o resultado final está agora diante de você. Que deve preparar-se para um relato pouco comum, às vezes chocante, às vezes irônico, sempre instigante. Na verdade, dificilmente a ficção poderia alcançar os limites do que a devassa senhora viveu e narra em detalhes riquíssimos.
Se o leitor tem alguma dúvida, ela logo se dissipará, neste fascinante mergulho na vida espantosa de uma mulher sem dúvida excepcional, cuja narrativa alcança dimensões de um retrato sociológico de toda uma cultura e uma geração, envolvendo um dos pecados mais indomáveis, e capitais. A luxúria.

No livro, vemos a história de uma senhora de 70 anos que, por meio de uma fita gravada, conta toda a sua vida e sua aventuras sexuais. Ela decide mandar essa fita para o autor desse livro, afim de que ele publique a sua história.
Nesse livro não há muito mistério, trata-se exatamente disso: uma senhora de 70 anos que conta toda a sua vida para nós, todas aventuras que ela teve quando mais jovem,

Eu confesso que, pelo título se chamar A Casa dos Budas Ditosos, pensei que fosse me deparar com algo haver mais com zen, essas coisas, sabe? Alguma coisa ligada a espiritualidade, por ter Buda no título. Mas não! A leitura me pegou totalmente de surpresa, e isso me deixou bem animada pra continuar lendo. Eu achei a leitura bem engraçada, descontraída, parece que a senhora está conversando mesmo com a gente, então você vai lendo que nem percebe, o que acaba sendo um ponto a mais para o livro, né?

Mas o livro tem seus altos e baixos, na minha opinião, Tem momentos que dei várias gargalhadas imaginando as cenas que ela conta, mas também tinha momentos que eu ficava um pouco confusa. Porque tinha horas que, no meio da história que ela tá contando, ela cita determinada pessoa e começa a falar dela, ai esquece o assunto em questão, depois volta pro assunto inicial e isso me deixava um pouco confusa, rs. Mas eu gostei da leitura em si, foi bem descontraída, e eu recomendo sim.

Não vou falar muito de capa e diagramação porque, a edição que eu peguei já estava bem gasta, porque era um livro emprestado de uma amiga da minha mãe, então ele já estava um pouco velhinho, rs. Ah, uma coisa curiosa: cada começo de capítulo, não era representado por parágrafo igual os outros livros não, eles são assim ó:





Bom, meus queridos leitores, por hoje é só! Eu espero que vocês gostem da resenha, e não deixem de comentar aqui embaixo com a opinião de vocês, ok? E fiquem à vontade para seguirem o blog também.

Um beijo, e até o próximo post.

Comente com o Facebook:

3 comentários:

  1. Eu amei conhecer esse livro,pois eu não conhecia ameiii bjus

    Blog http://cantinhodacarolll.blogspot.com.br/2014/10/cidades-de-papel-resenha-s2.html
    Página https://www.facebook.com/pages/Luxuoso-Estilo/175631289312048

    ResponderExcluir
  2. Gostei do livro.

    http://numadeletra.com/a-casa-dos-budas-ditosos-de-joao-ubaldo-67028

    ResponderExcluir


Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©